YouTube

Artigos Recentes

Qual é o maior ácaro conhecido?

Figura 1. Na foto, ácaro-de-veludo-gigante, provavelmente da espécie Dinothrombium magnificum (é difícil determinar com segurança uma espécie de ácaro aveludado sem analisar suas partes bucais). Ref.1

          Apesar de associarmos ácaros com seres muito pequenos, difíceis de serem vistos a olho nu e associados com reações respiratórias alérgicas (!), alguns gigantes, como esse ácaro-de-veludo-vermelho na Fig.1, da família Trombidiidae, podem variar de 5 milímetros até 1,4 cm.

(!) Leitura complementar: Qual é a espécie de ácaro com as pernas de cor rosa, laranja ou vermelha?

           Os ácaros-de-veludo-gigantes (gênero Dinothrombium) são os maiores ácaros do mundo em dimensões pré-alimentação, com comprimento de até 1,4 cm e massa de até ~80 mg. Carrapatos - que também são ácaros - podem ficar maiores após alimentação (até 2 cm de comprimento; inchados com sangue) do que os ácaros-de-veludo-gigantes, mas em estado normal são muito menores. Presentes em todos os continentes com exceção da Antártica, esses ácaros gigantes, são encontrados principalmente em desertos arenosos e podem formar agrupamentos enormes de até 5 milhões de indivíduos, formando verdadeiros tapetes vermelhos.

          Vivem tipicamente em buracos no solo, emergindo após intensas chuvas de verão (ou inverno em áreas com chuvas esparsas de verão) e ficam ativos na superfície no período matinal até próximo do meio-dia por até 1-3 dias após o período chuvoso. Quando ativos, tipicamente caçam cupins no período reprodutivo (Fig.2).

Figura 2. Nas fotos, (A) um ácaro-de-veludo-gigante capturando e se alimentando de um cupim alado; (B) um ácaro-de-veludo-gigante atacando um cupim operário. Ref.1

           As larvas desses ácaros são geralmente parasíticas, se alimentando de uma variedade de artrópodes. Os adultos possuem duas defesas químicas: odor repulsivo de alerta e um gosto extremamente ofensivo (uma terrível mistura de amargo, adstringente e picante). Esses mecanismos de defesa tornam esses ácaros quase livres de predadores naturais.


(1) REFERÊNCIA

  • Schmidt & Schmidt (2022). Big, bad, and red: Giant velvet mite defenses and life strategies (Trombidiformes: Trombidiidae: Dinothrombium). The Journal of Arachnology, 50(2):175-180. https://doi.org/10.1636/JoA-S-21-019