YouTube

Artigos Recentes

Encontrada a maior pérola do mundo!




        Parece que a maior pérola natural do mundo foi encontrada nas Filipinas. O ´mostrinho´ mede cerca de 61 cm de comprimento e pesa 34 kg! Um pescador tinha ela na sua casa por 10 anos, e desconhecia que era algo tão valioso e raro. Especialistas estão, nesse momento, confirmando o achado, mas é mais do que claro que é autêntico e a pérola já é uma das principais atrações do país. O recorde anterior era uma de 6,4 kg, conhecida como Lao Tzu, também encontrada nas Filipinas. O valor da nova pérola recordista é avaliado em torno de 130 milhões de dólares! 


Foto: (Facebook: Aileen Cynthia Maggay-Amurao)
         Essas pérolas enormes são produzidas no interior de Ostras-Gigantes, as quais podem medir mais de 1 metro e pesar mais de 300 kg! Esses moluscos bivalves pertencem à família Tridacnidae, e são nativos de corais de recife rasos localizados nos oceanos Pacífico Sul e Índico. A expectativa de vida desses animais pode ultrapassar os 100 anos e os mesmos são importantes organismos nos mares, servindo de habitat para várias algas zooxanthellae, com as quais mantêm uma relação simbiótica ( essas algas ganham uma boa região de fixação e uma fonte de dióxido de carbono, fosfato e nitratos para o seu crescimento; para retribuir, as algas disponibilizam nutrientes produzidos através da fotossíntese, os quais suplementam a dieta da ostra). Quando adultas, as Ostras-Gigantes são incapazes de se movimentarem por causa do seu enorme peso e acabam ficando fixas em um ponto como rochas.  Infelizmente, todas as 9 espécies desses animais estão em risco de extinção, por causa da caça predatória contra eles, onde os pescadores buscam por sua carne e usam sua concha como material decorativo de venda.

Alguns tipos de Ostras-Gigantes; note na última foto o sifão típico desses animais, o qual é usado para puxar água em busca de alimento, principalmente plâncton, e, às vezes, elas também podem usá-lo para lançar jatos de água com o objetivo de afugentar atacantes
         A pérola, em si, é um sólido cristalino formado, basicamente, por carbonato de cálcio e conchilina, um tipo de proteína. Essas joia é criada no tecido vivo de um molusco com concha, especialmente as ostras. A formação da pérola é um mecanismo de defesa desses animais contra intrusos que causam irritação nos seus tecidos, como corpos
microscópicos ou parasitas que possam entrar dentro da concha. Quando a irritação começa, camadas de carbonato de cálcio são depositadas por cima do intruso, com a ajuda da conchilina como fixador, e vão se acumulando com o tempo, dando origem às pérolas, as quais podem se apresentar em vários formatos. Elas também possuem cores variadas, com o branco e a cor creme (um amarelo bem pálido) sendo as mais comuns. É possível criar pérolas artificiais a partir de irritações induzidas por humanos, sendo esta a principal fonte comercial dessas joias. Por mecanismos naturais, a formação da pérola é um processo extremamente raro e as formas arredondadas, em quase perfeitas esferas, ainda mais raras e preciosas. Para a diferenciação de uma pérola natural e uma artificial é usado técnicas de análise com Raio-X para a observação da estrutura de cada uma, já que o processo de formação não será o mesmo entre elas. Na criação de uma pérola artificial, normalmente é usado uma técnica de implante de tecido de outra ostra dentro da ostra alvo, o que leva à irritação e início de formação do sólido.


As pérolas naturais no formato de uma quase perfeita esfera são as mais valiosas, mas elas podem vir em vários formatos e cores
Artigo relacionado: Tubarão com 400 anos de idade!

REFERÊNCIAS
  1. http://www.bbc.com/news/world-asia-37167179
  2. http://www.abc.net.au/news/2016-08-24/worlds-largest-clam-pearl-found-in-philippines-by-fisherman/7779790
  3. http://www.gia.edu/pearl-description 
  4. http://www.nre.gov.my/ms-my/Biodiversiti/BioD%20Knowledge/CITES_Briefcase-20_Giant_clams.pdf 
  5. http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC4231208/