YouTube

Artigos Recentes

As dietas, suplementos ou alimentos detox servem para algo?

  
Compartilhe o artigo:



        Ganhando muita popularidade nos últimos anos, a famosa dieta Detox, suplementos Detox e alimentos Detox estão em todas as esquinas e em programas milagrosos de regime. A 'desintoxicação' promovida por esses alimentos promoveria uma melhor qualidade de vida ao retirar do corpo diversas toxinas acumuladas pelos processos metabólicos e ingestão dessas através da alimentação, sujeiras e ar poluído. Mas, segundo as instituições sérias de saúde, literatura acadêmica e especialistas na área de nutrição, esses programas alimentares supostamente desintoxicantes não passam de lorota, sem um mínimo de suporte científico. E o pior: podem ser perigosas!

           A 'medicina' alternativa do detox "ensina" que o corpo acumula diversas toxinas e substâncias não necessárias para o corpo através da alimentação e do ambiente ao nosso redor. Hormônios em carnes, pesticidas, metais pesados, corantes, estabilizantes, adoçantes, realçadores de sabor e toxinas liberadas pelo metabolismo normal do corpo estariam sendo acumulados no nosso corpo, e diversas doenças modernas estariam sendo causadas por elas. Com isso, diversos alimentos deveriam ser eliminados do seu prato, e outros deveriam ser incluídos, ou seja, aqueles com supostas propriedades desintoxicantes benéficas. Essa seleção cuidadosa de alimentos - ou adoção de um regime específico de alimentação acompanhado ou não por suplementos detox - desencadearia uma limpeza geral no seu organismo, eliminando as ameaças citadas.

----------
Programas Detox podem envolver uma variedade de "estratégias" de limpeza do corpo, como:
- Jejum.
- Consumo exclusivo de sucos ou outro líquidos por vários dias.
- Consumo de uma seleção bastante restrita de alimentos.
- Uso de vários suplementos alimentares ou outros produtos comerciais.
- Limpeza do cólon (trato intestinal inferior) com enemas, laxativos, ou hidroterapia do cólon.
- Combinação de uma ou mais das opções acima.
----------

         Bem, não é mentira que diversos contaminantes nas águas, ar e alimentos nos causam mal, mas não existe evidência de que a maior parte deles é acumulada em nosso corpo ou que certos alimentos ou regimes combinados eliminem eles do organismo. NÃO existe evidência científica mínima de que suplementos ou programas detox tragam benefícios extras ao corpo, especialmente de desintoxicação. Mas, se fosse apenas crença infundada, não seria necessária tanta preocupação (apenas com a sua carteira, é claro).

Sucos detox estão muito na moda e podem até ser saudáveis, mas sem uma dieta equilibrada e bons hábitos de vida, de nada adiantam; além disso, independente da dieta, não existe comprovação de que qualquer alimento retire toxinas além do que o seu corpo consegue eliminar

- Continua após o anúncio -



           O maior problema é que quase todas os programas detox eliminam diversos alimentos do cardápio do indivíduo, retirando  importantes nutrientes necessários para suprir suas exigências nutricionais diárias. E em algumas dietas do tipo, mais extremas, o indivíduo fica submetido apenas a algumas fontes alimentares, como sucos. Ao invés de ajudar o corpo, você estará acumulando pesados danos. Exemplos absurdos podem incluir: 'coma apenas verde', ou 'beba apenas líquidos', ou 'corte totalmente as gorduras e carboidratos'. Se você apenas consome os 'alimentos detox' como complemento de uma dieta equilibrada, não existe problemas para o corpo, sendo que você apenas gastará, desnecessariamente, mais dinheiro para comprá-los ou estará dando um nome mais bonitinho a uma vitamina feita em casa.

          A alimentação/suplementação Detox é apenas um jogo de marketing, feito com o único objetivo de gerar lucro, não existindo nenhuma base médica ou científica por trás dela. Nunca troque sua dieta equilibrada por nenhum programa detox ou priorize esse alimentos 'mágicos' em detrimentos de outros mais saudáveis, principalmente se você tiver alguma doença crônica metabólica, como diabetes. Converse sempre antes com o seu médico ou nutricionista antes de alterar drasticamente sua rotina alimentar Além disso, é preciso tomar cuidado com os suplementos detox, os quais podem vir contaminados com substâncias diversas não discriminadas, inclusive ilegais (1).
Essa, sim, é um boa orientação e excelente uso da palavra 'desintoxicar'; é uma campanha do Ministério da Saúde alertando sobre os riscos de uma dieta mal orientada e criticando, implicitamente, a onda 'detox'

- Continua após o anúncio -



         Vamos deixar mais uma coisa clara aqui: não subestime seu corpo. Nosso sistema de defesa e excreção é algo fruto de uma evolução que durou milhões e milhões de anos, com o nosso fígado e rins, por exemplo, sendo filtros removedores poderosíssimos de toxinas do nosso organismo. Esse sistema é muito inteligente e sabe protegê-lo de forma muito eficiente dos males do exterior. Mas, para ele trabalhar com eficiência, você precisa ficar longe de hábitos prejudiciais, como fumo, excesso de bebidas alcoólicas, falta de exercícios físicos, alto consumo de alimentos muito processados, etc. E o mais importante: você precisa consumir uma dieta saudável, com todos os nutrientes de que o seu corpo precisa, e manter-se sempre hidratado, já que a maior parte do seu corpo é formada por água. Não existe receita mágica. A maior parte das dietas Detox são extremistas e acabam prejudicando muito nosso sistema de limpeza, ao invés de ajudá-lo.

Não desperdice seu dinheiro em produtos sem suporte científico

            Para reforçar o alerta, um artigo de revisão publicado recentemente (Ref.13) não encontrou evidência nenhuma de que as dietas detox encontradas no mercado possuem algum efeito desintoxicante no corpo ou de otimização nas funções hepáticas. Além disso, o estudo apontou que os raros trabalhos suportando certos produtos Detox (financiados por empresas do setor alimentar, claro) possuíam falhas sérias em seus resultados e metodologias de análise clínica. Ou seja, além de não existir base científica teórica para as dietas Detox, ficou novamente claro que não existem evidências clínicas de mínima qualidade. Ainda segundo o estudo, não existem estudos científicos sérios sobre a segurança dessas dietas e produtos de 'desintoxicação', e muito menos ainda para afirmar qualquer coisa sobre perda efetiva de peso (gordura corporal) e sua manutenção a longo prazo. E elas estariam desintoxicando o corpo de quais substâncias? Não é possível que eles estejam mentindo a um ponto em que um suco verde qualquer serviria para 'limpar' o corpo de tudo, estariam? Bem, o artigo de revisão deixa claro que nenhuma empresa vendendo esses produtos deixa essa pergunta respondida, porque, provavelmente, nem elas sabem.

            Aquela história de você exagerar nas porcarias no final de semana e na segunda comer alimentos ou suplementos 'desintoxicantes' para se recuperar totalmente, é pura baboseira. Se você agrediu seu corpo, ele não voltará a ser como antes só por causa de uma receita de ervas. Danos são danos. O que você pode fazer é parar com os hábitos danosos e se alimentar bem para que o seu corpo se recupere o máximo possível. Mas danos significativos continuarão lá, e, esses sim, serão acumulados com o tempo, sem chance de sumirem, caso os mal tratos continuem. Esses mitos só servem para incentivar as irresponsabilidades de saúde, criando ilusões de cura para qualquer hábito prejudicial.

- Continua após o anúncio -



          E se um contaminante grave, como metais pesados, estiver se acumulando no seu corpo, vindo da fonte que for, é necessário realizar um tratamento médico com medicamentos específicos. Apenas comida não irá surtir efeito algum. Aliás, como já dito, se você suprimir seu corpo de uma dieta nutritiva por causa de regimes detox malucos, seus órgãos não irão trabalhar direito, causando, aí sim, acumulação perigosa de toxinas e maior vulnerabilidade a graves intoxicações.
Nosso corpo é muito bem adaptado às adversidades do meio, e sabe muito bem promover sua própria limpeza, no limite do possível; se você sofreu qualquer tipo de contaminação, a opção mais coerente e responsável é a busca por um tratamento médico especializado

          Então, ao invés de gastar dinheiro nessas receitas detox suspeitas, invista mais na sua dieta, incluindo frutas, verduras, cereais, grãos, carnes, farinhas integrais e laticínios. Essa é a melhor estratégia para deixar o seu corpo bem saudável e pronto para enfrentar o dia a dia. Invista também seu tempo em exercícios físicos e na leitura de dicas confiáveis de saúde, consultando textos científicos, agências de saúde e seguindo o conselhos de especialistas de saúde. Dizer que existem alimentos mágicos, que purificam totalmente o seu corpo, induz as pessoas a abusarem de hábitos danosos, em uma ilusão de que os excessos prejudiciais irão ser retirados posteriormente com o consumo de um pílula mágica. Infelizmente, formas irresponsáveis de tirar o dinheiro das pessoas sempre existirão na nossa sociedade. O jeito é nos protegermos através da boa educação.

CONCLUSÃO: Não existem receitas alimentares que removem toxinas no seu corpo. Seu próprios órgãos de limpeza (fígado e rins principalmente) é que fazem esse trabalho. É preciso mantê-los saudáveis para que a desintoxicação do seu corpo seja ideal.

OBSERVAÇÃO: Existem nutricionistas que usam o termo 'detox' para apelidar dietas saudáveis, as quais ajudarão o seu corpo a funcionar melhor, incluindo na otimização da limpeza do organismo. Mas isso é o que uma boa dieta é: alimentação que nutre bem o seu corpo. Com o nome de detox, ou não, só existe um tipo de boa dieta, e é o tipo equilibrado, saudável. Nomes anexados a ela são apenas propagandas comerciais. Agora, dizer que existem alimentos que retiram toxinas além do que o seu corpo é capaz, é pura especulação, não existindo comprovação científica para tal.

IMPORTANTE: Se você estiver com algum problema de acumulação de toxinas no corpo, especialmente metais pesados, como o mercúrio, procure tratamento médico urgente! Nesse caso, nenhum alimento ou suplemento alimentar irá te ajudar, onde apenas medicamentos resolverão o quadro de intoxicação. Sofreu contaminação com algo nocivo, corra ao hospital e não a receitas alimentares. O mesmo raciocínio é válido para os dependentes químicos e intoxicações geradas por mal funcionamento em órgãos diversos do corpo.

CONSELHO: Se você der uma busca rápida pela internet, verá diversos programas rápidos de dietas detox para o emagrecimento rápido e de forma saudável. Como eu já disse inúmeras vezes, não existe forma rápida para programas de emagrecimento. Se você ficar duas semanas em uma dieta forçada, com corte de vários nutrientes e calorias, irá perder gordura somente por um curto período, porque, ao voltar para a rotina normal, irá ganhar toda a massa perdida ou engordar mais. Uma dieta séria é baseada em uma mudança vitalícia no estilo de vida, de forma experimental e gradual. Você deve gostar da nova dieta para nunca abandoná-la e manter os ganhos positivos dela para sempre. Ignore anúncio do tipo: ´Perca X quilos de peso em apenas 1 semana com essa nova dieta!´. Não é você quem deve se adequar à dieta, é a dieta que deve se adequar a você.



REFERÊNCIAS 
  1. http://bmb.oxfordjournals.org/content/early/2012/01/31/bmb.lds002.full
  2. http://www.independent.co.uk/life-style/health-and-wellbeing/health-news/products-offering-an-easy-detox-are-a-waste-of-time-1225809.html
  3. http://www.msnbc.msn.com/id/18595886/ns/health-diet_and_nutrition/t/experts-warn-detox-diet-dangers/#.UJ2E54fAfQM
  4. https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/25522674
  5. http://news.bbc.co.uk/2/hi/health/7808348.stm
  6. http://www.quackwatch.org/01QuackeryRelatedTopics/detox_overview.html
  7. http://www.mayoclinic.com/health/detox-diets/AN01334
  8. http://search.proquest.com/openview/11bcb8f2d2327bca1f54af2aacfac509/1?pq-origsite=gscholar
  9. http://www.tandfonline.com/doi/abs/10.2752/175174415X14180391604404
  10. http://anytimefitness.ideafit.com/fitness-library/detox-diets-myths-vs-reality
  11. http://www.theguardian.com/lifeandstyle/2014/dec/05/detox-myth-health-diet-science-ignorance 
  12. http://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S0262407913620953 
  13. http://onlinelibrary.wiley.com/doi/10.1111/jhn.12286/full    
  14. https://www.nutrition.gov/subject/shopping-cooking-meal-planning/juicing-101