YouTube

Artigos Recentes

Por que envelhecemos?

  
         Envelhecer é tão natural que nunca paramos para nos questionar o porquê e como. Nossas células são protegidas por agentes antioxidantes, protetores contra o calor excessivo sobre as proteínas nos processos metabólicos e telômeros que protegem os cromossomos. Sempre quando as células sofrem divisões, uma cópia quase perfeita é gerada, e os eventuais erros são reparados por enzimas e outros mecanismos. Na juventude, tudo isso funciona de maneira exemplar, mas à medida que os anos passam tudo começa a sofrer colapsos. O ´sintoma´ mais clássico é a diminuição progressiva do tamanho dos telômeros, cujo encurtamento deixa os cromossomos à deriva de vários problemas. O que causa tudo isso?



O encurtamento dos telômeros, depois de sucessivas divisões, marca a idade do nosso material genética, colocando um prazo de validade no mesmo

           A principal teoria recai sobre a evolução. Todo organismo tem como principal função a
reprodução. Depois de gerar herdeiros que garantam a continuidade da espécie, o ser gerador
deixa de ter propósito de existência, além do mesmo acabar consumindo cada vez mais recursos do ambiente ao redor. Ou seja, o processo evolutivo precisa apenas garantir a reprodução em uma idade favorável para tal fim. Mas isto não explica a causa, e, sim, apenas a inexistência de um mecanismo ´contra-envelhecimento´. Pesquisas já demonstraram que animais em laboratório submetidos a uma dieta com calorias restritas vivem por mais tempo. Além disso, remédios que bloqueiam mecanismos de envelhecimento estão sendo testados atualmente. A adição de enzimas e outras substâncias que impedem os processos oxidativos e erros de divisão celular no corpo em envelhecimento também estão em desenvolvimento. Mas quem comanda o
envelhecimento permanece ainda oculto para nós.
      

            Porém, uma nova perspectiva de pesquisa nasceu, há um tempo atrás, com a descoberta de uma doença, chamada Síndrome X, a qual afeta uma garota chamada Gabby, e estava presente em outra, Brooke, falecida aos 20 anos. Gabby está sendo estudada, tem 6 anos e apresenta condições iguais a de Brooke. Aos 12 anos, Brooke possuía um corpo de 69 centímetros e 6 quilos. Seus dentes tinham a idade de 8 anos, seus ossos de 10 anos, sua idade mental era de 8 meses a 1 ano. Ela estava sem nenhum resquício da sua gordura de bebê e seus cabelos e unhas cresciam normalmente, mas ela não tinha alcançado a puberdade. Seus telômeros eram considerados mais curtos do que de crianças na sua faixa de idade. Conclusão: seus diversos órgãos estavam envelhecendo em diferentes taxas. O segredo da chave do envelhecimento estão em algum conjunto de genes desta garota, já que ela não possui problemas hormonais ou nutricionais.
         
                Os cientistas estão tentando achar a correspondência genética entre as duas garotas, e,
talvez, no futuro, estes genes possam ser selecionados ou desativados para um envelhecimento mais lento.